Alternate Text
CNAM
Saúde e bem-estar Alternate Text Alternate Text
Obesidade Alternate Text Alternate Text
Obesidade
go back arrow anterior

A obesidade é uma acumulação anormal ou excessiva de gordura no tecido adiposo, ao ponto de prejudicar a saúde. Está intimamente associada a outras doenças, como a doença cardiovascular (a principal causa de morte no mundo), a diabetes, as doenças osteoarticulares e alguns tipos de cancro (útero, mama e intestino).

A obesidade infantil é hoje em dia um problema de saúde pública alarmante.

A obesidade resulta de um desequilíbrio energético, a favor do armazenamento de energia. Se consumirmos continuadamente mais energia do que a que gastamos, promovemos o armazenamento de energia sob a forma de gordura no organismo. Por outro lado, se gastamos mais energia do que a que consumimos, gastamos as reservas de energia do organismo.

Os fatores que regulam a ingestão e o gasto de energia do nosso organismo são complexos e envolvem fatores ambientais como a alimentação e a atividade física, bem como fatores genéticos e hereditários que interferem na forma como o organismo aproveita energia, como gasta energia e na forma como os nutrientes são distribuídos pela massa magra e massa gorda.

A prevenção da obesidade passa pela adoção de um estilo de vida saudável, que envolve a prática regular de exercício físico e uma alimentação equilibrada.

Tão importante como controlar a energia (calorias) consumida é obter todos os nutrientes em quantidades adequadas para o organismo, de forma a garantir o seu bom funcionamento: proteínas, hidratos de carbono, lípidos, fibras, vitaminas, minerais e água. Por isso, devem evitar-se as chamadas “calorias vazias”, fornecidas por alimentos ricos em calorias e pobres em nutrientes (ex.: refrigerantes, bebidas alcoólicas, guloseimas, etc.).
Uma alimentação rica em alimentos de elevada densidade nutricional é mais saudável, pois fornece calorias ricas em nutrientes importantes para o funcionamento do organismo.


O leite é imprescindível na alimentação desde o nascimento

A partir de 1 ano de idade as crianças podem introduzir o leite de vaca na sua alimentação, na quantidade recomendada de 500 ml por dia, sendo uma fonte importante de proteínas de alto valor biológico, hidratos de carbono, lípidos, vitaminas e minerais em quantidades apreciáveis, todos valiosos para um desenvolvimento saudável.

De um modo geral, não se recomendam restrições de gordura nos lácteos em idades mais jovens (nem exageros!), nomeadamente até aos 2-3 anos, porque a gordura é necessária ao crescimento e desenvolvimento da criança e é nesta fase o principal fornecedor de energia. Por esta razão o leite gordo é recomendado para as crianças até esta idade.

A partir dos 3 anos deve ser feita a transição para leite com teor de gordura mais baixo, como o meio-gordo. Parece impor-se uma tendência para a substituição do leite por bebidas açucaradas durante a infância e a adolescência, o que impacta o equilíbrio nutricional e o peso. É importante combater esta tendência e manter o hábito de beber leite. O leite “simples” não tem adição de açúcar, é um alimento natural, sem qualquer adição ou extração, com uma extraordinária riqueza nutricional: 100 ml dão 47 kcal ao organismo (se for meio-gordo) e apenas 34 kcal (se for magro) e simultaneamente fornece vários nutrientes importantes, como proteínas, vitaminas e minerais. 1 copo de leite magro contribui com apenas 4% das calorias e com mais de 20% de vitaminas e minerais que um adulto precisa diariamente.

As recomendações nutricionais para adultos apontam para 3 porções de leite e derivados por dia.


go back arrow Voltar ao Topo

Este site utiliza cookies para melhorar a funcionalidade e a sua experiência de utilização do mesmo. Os cookies servem, por exemplo, para saber quem são os nossos visitantes e, desta forma, prestar um melhor serviço, mais seguro e personalizado para garantir acesso a todas as áreas do site ou para assegurar algumas funcionalidades em particular. Ao navegar neste site está a consentir a utilização de cookies. Pode consultar os Termos de Utilização do site aqui.